Procurando por algo?

Experimente fazer uma busca, é rápido e facil.

Buscar agora
Chat
Online
(61) 3038-8001
Serviço Visão

Serviços

Quer conversar sobre?
Clique aqui
Atendimento dia e noite - 24h
Catarata
Refrativa
Plástica Ocular
Crosslinking
Estrabismo
Anel de Ferrara
Lensex - Femtosegundo
Transplante de Córnea
Lentes de Contato
Exames

Atendimento dia e noite - 24h

O Visão Institutos Oftalmológicos possui uma emergência oftalmológica 24H em sua unidade de Taguatinga para atender a todo tipo de desconforto ocular ou casos de intervenção cirúrgica. É o único pronto-socorro de olhos de Taguatinga. O pronto atendimento é realizado por especialistas que têm à disposição um centro cirúrgico de última geração. O hospital oftalmológico do Visão em Taguatinga localiza-se na CNC 1 lote 14, Taguatinga Norte, e é referência em oftalmologia.
Você terá o melhor atendimento a qualquer hora do dia ou da noite. Atendemos a mais de 60 planos de saúde, consulte e veja se o seu plano faz parte de nossa rede.
Mas, se seu caso não for de emergência, marque uma consulta na unidade mais
próxima de você: o Visão Institutos possui 8 unidades em várias regiões do DF para sua comodidade.
Telefone da unidade de emergência: 3038-8001 

Catarata

Nosso Centro de Catarata conta com os mais modernos equipamento de diagnóstico e cirúrgicos para o tratamento da catarata.

Além de tecnologia de ponta, contamos com profissionais altamente qualificados para execução do tratamento, são eles:

Dr. André Seabra

Dr. Bruno Prieto

Dr. Daniel Regis Barra

Dr. Davi Brandalise

Dr. Emerson Dutra

Dr. José Cardoso

Dr. João Luiz Pacini Costa

Dra. Marina Menezes

Dra. Silvia Regina  Costa Crispim de Sousa

A cirurgia

A cirurgia de catarata é realizada no ambulatório e pode levar apenas alguns minutos. Geralmente, logo após a cirurgia os pacientes recebem alta e vão para casa, evitando a inconveniência das despesas hospitalares.

Técnica

A catarata é removida por meio da facoemulsificação ou cirurgia com pequena incisão. Usando, apenas, anestesia tópica(colírios) faz-se uma incisão em degrau de cerca de 2,5 mm na esclera (parte branca do olho) ou na córnea clara (logo acima da área onde a córnea encontra a esclera) . Com o ultra-som, a catarata é fracionada em partículas microscópicas  aspirada. Em seguida, para compensar a remoção do cristalino, é implantada uma lente intra-ocular (LIO).  A incisão em degrau faz com que o olho permaneça completamente selado pela pressão natural externa.

O Visão Institutos realiza a cirurgia de catarata utilizando o laser de femtossegundo, a mais moderna técnica disponível no mercado. O laser é usado para realizar alguns passos da cirurgia, como as incisões, a retirada de uma parte da membrana que envolve o cristalino e a fragmentação da catarata, mas a aspiração dos fragmentos é realizada por meio do facoemulsificador. No lugar da membrana retirada é implantada uma lente intraocular (LIO). O uso do laser é menos invasivo e garante ao paciente uma recuperação muito mais rápida.

Benefícios

A anestesia tópica e a incisão auto-selante trouxeram a cirurgia de catarata a um nível mais alto.  Com o colírio anestésico não há necessidade da dolorosa injeção de anestesia, a qual retarda a restauração da visão e pode causar inchaço e descoloração da pele.

Muitos pacientes são capazes de ver nitidamente logo após a cirurgia. Atualmente, na maioria dos casos, é possível retornar às atividades como ler e dirigir, em curto espaço de tempo.

Lentes intra-oculares
Hoje existem lentes capazes de corrigir todos os erros refrativos, possibilitando assim a dispensa do uso de óculos de grau.

Lente implantada substituindo o cristalino. Essa lente é definitiva, portanto sua escolha deve ser criteriosa.

Recuperação

As pessoas têm diferentes períodos de recuperação, mas de acordo com a Sociedade Americana de Catarata e Cirurgia Refrativa (EUA), 98% dos pacientes apresentam melhora da visão após a cirurgia. Uma visão melhor do que os pacientes tinham, antes de desenvolverem a catarata.

Uma vez removida, a catarata não voltará.

Nos casos em que ocorrer o embaçamento da membrana atrás da pupila, após a cirurgia, pode-se realizar um tratamento rápido e no consultório, com o YAG LASER.

 

Refrativa

O que é Cirurgia Refrativa?

É um procedimento cirúrgico que corrige erros refrativos (miopia, astigmatismo, hipermetropia, presbiopia) mudando a forma da córnea e conseqüentemente o modo que a luz é focada internamente. A cirurgia demora em média de 08 a 10 minutos, em cada olho. A técnica mais utilizada em nosso serviço é a Lasik.

Lasik

O procedimento Lasik (laser in situ keratomileusis) tornou-se o mais popular dos tratamentos para correção ocular a laser. É realizado através de anestesia por gotas de colírio, indolor e realizado ambulatorialmente.

O procedimento é muito rápido: o tempo de aplicação do laser é de dois segundos para cada grau tratado. O paciente permanece na sala de tratamento por menos de dez minutos para tratar os dois olhos, tempo usado para ajustes e calibrações de cada tratamento. Não havendo contraindicação, o tratamento é realizado nos dois olhos, no mesmo dia.

A cirurgia de Lasik é feita no Visão com a utilização da tecnologia de confecção do flap (aba fina) igual ou inferior a 100 micra de espessura e do avançado equipamento excimer laser WaveLight Allegretto Eye-Q. Isso possibilita altos níveis de segurança e melhores resultados visuais aos nossos pacientes. Rotineiramente, tratamos pacientes com alto grau ou casos mais complexos com essa mesma técnica.

Alta tecnologia e precisão de resultados

Após vários anos de investigação e estudo, hoje existem técnicas e tecnologia que oferecem com segurança a solução para os problemas refrativos. Através da técnologia do Allegretto Eye-Q 400hz é possível corrigir a miopia, a hipermetropia, o astigmatismo a presbiopia com rapidez e alta precisão de resultados.

O Allegretto Eye-Q 400hz é o excimer laser mais seguro e preciso do mundo, segundo a FDA Americana.

Quem pode se submeter à Técnica?

em geral, o paciente deve ter mais de 18 anos;

deve apresentar miopia, astigmatismo, hipermetropia ou presbiopia;

não ter um aumento significativo na prescrição corretiva nos últimos 12 meses (pequenas alterações não contra-indicam a cirurgia).

Recuperação

A recuperação visual é freqüentemente rápida após o procedimento . A maioria dos pacientes enxergam normalmente,  em um ou dois dias. No entanto, a recuperação visual depende entre outros fatores da cicatrização corneana, do seguimento das orientações médicas e da cooperação do paciente durante o procedimento.

Plástica Ocular

Após os 40 anos, começam a surgir aquelas “ruguinhas” ao redor dos olhos. Para resolver esse problema, diversas pessoas recorrem à blefaroplastia, ou seja, à cirurgia estética das pálpebras.

 Após os 40 anos, começam a surgir os primeiros sinais do tempo: aquelas “ruguinhas” que insistem em aparecer quando franzimos os olhos. A operação é relativamente simples, dura em média uma hora e meia e pode ser realizada com anestesia local. Existem, atualmente, dois tipos de cirurgia nas pálpebras. Uma é para as pálpebras superiores, onde o excesso de pele é retirado, assim como a gordura, sendo que a incisão fica escondida sob uma prega natural. E a outra é para as pálpebras inferiores, em que a incisão efetuada na base dos cílios é praticamente invisível.

A permanência na clínica é curta, cerca de 4 a 8 horas. Depois da operação, um curativo é mantido durante 2 ou 3 horas. Após 8 dias, o paciente já irá perceber uma diferença sutil, mas marcante, ao redor dos olhos. Na terceira semana, o paciente estará pronta para encarar qualquer olhar sedutor de frente, sem receios.

Os institutos oftalmológicos do Visão são completos e realizam desde exames preventivos até as cirurgias mais complexas. Tudo com uma equipe altamente qualificada e equipamentos de última geração. O Visão tem convênio com mais de 60 planos de saúde, além de parcelamentos especiais para cirurgias e outros procedimentos.

Crosslinking

Visão é também pioneiro na técnica para enrijecer a córnea e estabilizar o ceratocone.

O Visão oferece aos pacientes um procedimento cirúrgico que enrijece a córnea e pode estabilizar o quadro de ceratocone em até 90% dos casos. A técnica  já é utilizada em todo o mundo e consiste em aplicações de vitamina B2 associada à ultravioleta do tipo A na córnea do paciente. O procedimento é eficaz com baixo índice de complicações, podendo ser indicado para pacientes com ceratocone e ectasia progressiva pós cirurgia.

Estrabismo

Um desvio ocular que merece atenção especial, porque pode ser um sinal de tumor no crânio

O que é?

O estrabismo é popularmente conhecido como  “vesguice” ou “olho torto”.  Consiste na movimentação e posicionamento inadequados ou desordenados dos dois olhos, sem paralelismo. É o resultado de um defeito nos músculos que movimentam os olhos ou dos respectivos nervos. Pode ser tanto causa, quanto consequência de uma baixa visão. A pessoa pode nascer com o desvio ocular ou adquiri-lo em qualquer momento da vida.

Alerta

Os casos de estrabismo  que se manifestam em crianças maiores de seis anos e adultos merecem atenção espcial, porque  podem ser o sinal  de um tumor no crânio.

Tratamentos

O estrabismo não desaparece sozinho, sem tratamento, como diz a crendice popular.

O tratamento do estrabismo pode ser clínico e/ou cirúrgico. Quanto antes iniciado o tratamento melhores são os resultados, principalmente nas crianças. O atraso no diagnóstico e a falta de cuidados especiais podem fazer a diferença entre a cura e uma solução apenas paliativa.

Anel de Ferrara

Um dos procedimentos realizados para a correção de ceratocone.

O Anel de Ferrara (Anel, implante, AF) é um dispositivo médico implantável no estroma corneano, para a regularização da deformação na córnea – causada por patologias do tecido – e para a correção ou diminuição de erros refracionais associados. AF é feito de polimetilmetacrilato, um material comprovadamente inerte e biocompatível que é utilizado há décadas na fabricação de implantes intra-oculares.

O tipo de tratamento mais adequado ao ceratocone vai depender do grau de evolução da doença e do diagnóstico do oftalmologista.

Porém, este procedimento cirúrgico, aprovado pelo FDA (Food and Drugs Administration) é o implante de um disco de acrílico entre as camadas da córnea com a finalidade de aplaná-la e trazê-la à sua forma natural. Diferente dos transplantes, os esses anéis proporcionam correção imediata da baixa visual do paciente com ceratocone.

Benefícios da técnica

Rápido retorno às atividades cotidianas e uma visão mais natural em relação àquela fornecida pelo transplante de córnea. O Anel de Ferrara tem um design ideal para permanecer no olho, com baixo índice de extrusão (expulsão) deste anel da córnea. Mas, caso isso ocorra, os anéis podem ser retirados.

Indicação

Pacientes portadores de ceratocone intolerantes a lentes de contato;
Paciente portadores de ceratocone em evolução;
Síndrome de Hartstein;
Astigmatismo pós ceratoplastia penetrante;
Ectasias corneanas istrogênicas pós cirurgias refrativas (PRK, LASIK);
Astigmatismo irregular pós ceratotomia radial;
Degeneração marginal pelúcida.

As vantagens do procedimento

A incidência de complicações é muito baixa, em torno de 3%. Além disso, as complicações são geralmente tratáveis e reversíveis, conferindo boa segurança ao procedimento.

É realizada com anestesia tópica (colírios), em regime ambulatorial
Reversibilidade: O anel pode ser removido e a córnea retoma suas dimensões originais pré-implante;
Reajustabilidade: O anel pode ser substituído ou reposicionado caso necessário para melhora do resultado obtido;
Estabilidade: os resultados se mantêm ao longo do tempo;
Previsibilidade: Os resultados são reprodutíveis. Preserva a integridade do órgão, por tratar-se de uma técnica de adição, preservando a região nobre da córnea, que é o eixo visual.
Preserva a asfericidade positiva da córnea, que é uma característica óptica importante para minimizar aberrações do sistema e permitir uma melhor acuidade visual.

Lensex - Femtosegundo

Este novo procedimento otimiza os resultados deste procedimento.

A Cirurgia de Catarata evoluiu e agora já pode ser feita por laser de Femtosegundo.

Esta tecnologia, já disponível no Visão Institutos Oftalmológicos, é o mais moderno tratamento para Cirurgia de Catarata disponível no mundo. O nosso equipamento, LENSX-ALCON já é aprovado no FDA americano e pela ANVISA no Brasil.

O laser de Femtosegundo automatiza os procedimentos manuais da Cirurgia de Catarata, proporcionando mais precisão, centralização da lente intraocular e um resultado final mais previsível e rápido.

Neste procedimento a laser, as etapas mais difíceis, são guiadas por tomografia de coerência ótica, sendo as imagens capturadas continuadamente em 3 dimensões. Com o laser de femtosegundo a abertura do cristalino, sua fragmentação e a incisão da córnea são realizadas com total precisão.

Na técnica convencional estas importantes etapas são feitas com bisturi e instrumental cirúrgico manualmente.

O LENSX automatiza as etapas mais difíceis da Cirurgia de Catarata que é realizada manualmente pela técnica convencional, dispensando o uso de bisturi e alguns instrumentais cirúrgicos. Este procedimento a laser é uma tecnologia que proporciona mais segurança e bons resultados na correção dos vícios refracionais (miopia, astigmatismo, hipermetropia) após a Cirurgia de Catarata. As lentes multifocais implantadas na cirurgia de catarata com LENSX tem  melhor centralização e os pacientes operados com esta técnica tem tido excelentes resultados.

 

Transplante de Córnea

A cirurgia

O método, de acordo com Dr. Tarciso Schirmbeck, consiste basicamente na troca de uma córnea defeituosa por uma em ótimo estado. O tipo detransplante depende da doença que acometer o paciente. “Podemos trocar somente a parte anterior da córnea (transplante lamelar anterior), ou apenas a parte posterior do tecido (transplante lamelar posterior). Além desses, ainda há a possibilidade de substituir todas as camadas da córnea (transplante penetrante)”, esclarece.

Lentes de Contato

As lentes de contato são um avanço na oftalmologia, mas precisam de cuidados. Em função disso, o Visão Institutos criou um departamento específico para adaptação de lentes de contato.

As lentes de contato podem ser corretivas (para correção erros de refração); cosméticas (para colorir o olho) ou terapêuticas (tratar distúrbios não-refrativos). As lentes geralmente são utilizadas sobre a córnea do olho. Elas são mais leves e virtualmente invisíveis.O que muitas pessoas desconhecem é que as lentes precisam de cuidados especiais. Lentes não utilizadas adequadamente e sem higiene podem causar  infecções e doenças nos olhos dos usuários como úlcera de córnea, conjuntivite, ceratite e processos alérgicos, que podem  levar a cegueira.Em hipótese alguma, as lentes de contato devem ser compradas em óticas. Os pacientes têm necessidades e formatos oculares diferentes. Por isso, as prescrições e adaptações das lentes devem ser feitas por médicos oftalmologistas. É frequente a procura de pacientes, em consultórios médicos para tratamento de úlceras corneanas, provocadas por lentes mal adaptadas.

O Visão Institutos Oftalmológicos  conta com oftalmologistas especialistas e salas para a realização de exames e adaptações de lentes de contato. Atualmente, oferecendo 40 tipos diferentes de lentes entre rígidas, gelatinosas, tóricas e esclerais.

Lentes Gelatinosas

O tipo de lente conhecido como Gelatinosas são usadas para pacientes míopes ou hipermétropes. Para astigmatismo associado de baixo grau.

Esféricas, tóricas, multifocais, coloridas, terapêuticas e lentes especiais para ceratocone.

Lentes Rígida 

O tipo de lentes de contato chamadas Rígidas são usadas quando existe sensibilidade às gelatinosas e todo tipo de astigmatismo. Além de miopia, hipermetropia e presbiopia.

Silicone, fluorcabonadas e rígidas gás-permeáveis.

Lentes Tóricas

As lentes Monofocais Tóricas são lentes dobráveis asféricas, indicadas para pacientes que apresentam astigmatismo, pois têm capacidade de corrigi-lo.

Lente Esclerais

As lentes esclerais são lentes de contato maiores que se apoiam principalmente na esclera, elas são muito semelhantes às lentes de contato gelatinosas, com um diâmetro maior que se adapta à esclera (a parte branca do olho).

Exames

Atendimentos

Teste de adaptação de lentes de contato, biomicroscopia, tonometria,mapeamento de retina, retinografia e angiofluoresceinografia, laser de argônio, laser diodo e endolaser.

Exames

  • Acuidade visual
  • Avaliação das vias lacrimais (Teste Shirmer)
  • Biometria ultrassônica (Ecobiometria tipo “A”)
  • Campimetria computadorizada
  • Capsulectomia (Laser Yag)
  • Ceratoscopia computadorizada (Topografia)
  • Curva tensional diária (CDPO)
  • Exame (BUT)
  • Fotocoagulação (Laser Argônio)
  • Fundoscopia
  • Gonioscopia
  • Mapeamento de retina (Fundo do Olho)
  • Microscopia especular de córnea
  • Oct de glaucoma (Tomografia de Coerência Óptica)
  • Oct de mácula (Tomografia de Coerência Óptica)
  • Oculyzer
  • Paquimetria ultrassônica
  • Pentacam
  • Topolyzer
  • Retinografia fluorescente
  • Retinografia simples
  • Teste das cores (Ishihara)
  • Teste de lentes de contato
  • Teste de reflexo vermelho (Teste do Olhinho)
  • Teste de rosa bengala
  • Tonografia
  • Tonometria de aplanação
  • Ultra-sonografia (Ecografia tipo “B”)
  • Wave front

 

Acompanhe nossas novidades, promoções e dicas!

ACOMPANHAR
João Luiz Pacini Costa - Oftalmologista e Diretor Técnico Médico - CRM 3862-DF
facebook
twitter
youtube
instagram