Procurando por algo?

Experimente fazer uma busca, é rápido e facil.

Buscar agora
Chat
Online
(61) 3038-8001

Segundo dados Organização Mundial da Saúde (OMS), os acidentes de trânsito são a 9ª maior causa de morte no mundo. A estimativa é de que, a cada dia, mais de três mil pessoas percam a vida nas estradas. Normalmente, quando não são fatais, estes acontecimentos resultam em traumatismos e ferimentos.

Dr. Tarciso Schirmbeck, oftalmologista do Visão Institutos Oftalmológicos, em Brasília, alerta que traumas na cabeça podem levar à cegueira. “Impactos muito fortes na região dos olhos, geralmente ocasionados por acidentes de trânsito, atropelamentos ou quedas, podem comprometer o funcionamento dos nervos ópticos e acarretar em perda parcial ou total da visão”, esclarece.

O especialista destaca que, após uma contusão nesta área do corpo, é necessária a avaliação da equipe do Serviço de Atendimento ao Trauma. “Neste momento, após estabilização clínica do paciente, será examinado se houve algum dano ao globo ocular. Dependendo dos resultados desta etapa, o paciente pode ser encaminhado ao oftalmologista ou não. É importante esclarecer que nem sempre os sinais de piora da visão acontecem logo após a pancada. Por isso, quem sofre algum impacto nesta região deve fazer avaliações constantes da saúde ocular”, afirma.

O oftalmologista ressalta que motociclistas correm mais riscos neste tipo de acidentes. “É muito comum que eles sofram quedas e batam a cabeça. Assim, é essencial relembrar a importância da utilização do capacete. Além disso, quando estamos no carro é fundamental o uso do cinto de segurança, que ajuda a proteger a visão”, enfatiza Dr. Tarciso Schirmbeck.

Pessoas que perdem a visão devido a traumas precisam manter um acompanhamento oftalmológico periódico. “Mesmo após a perda total ou parcial da visão, é fundamental que estes pacientes compareçam a consultas oftalmológicas e neurológicas periodicamente. Desta forma, é possível detectar se há uma evolução da lesão do nervo óptico ou globo ocular”, conclui o médico.

Fique de Olho

Durante as férias, redobre os cuidados com os olhos.

O verão é o período em que as pessoas costumam viajar. Nesta época do ano, o destino preferido dos brasileiros são as praias, cachoeiras, club...

Tuberculose pode acometer os olhos também.

No próximo dia 24 de março, é lembrado o Dia Mundial de Combate à Tuberculose. Esta doença acomete cerca de 70 mil brasileiros por ano, segund...

Lacrimejar em excesso pode ser sinal de problemas oculares.

Você lacrimeja em excesso? Fique atento! Esta pode ser uma indicação de que a sua saúde ocular não está bem. “Pessoas que sentem os olhos m...

Acompanhe nossas novidades, promoções e dicas!

ACOMPANHAR
João Luiz Pacini Costa - Oftalmologista e Diretor Técnico Médico - CRM 3862-DF
facebook
twitter
youtube
instagram